30 de jul de 2012

Um domingo triste para futebol Gaúcho



Há alguns meses havia escrito minha decepção sobre torcidas organizadas, eis que hoje leio está matéria falando justamente do meu colorado, o que me faz acreditar e cada vez mais sustentar minha tese de torcida desorganizada.


Cinco pessoas foram presas neste final de semana nas cidades de Canoas e Porto Alegre por envolvimento com o tráfico de drogas. Entre os suspeitos, está uma mulher de 32 anos que, segundo a Polícia Civil, é fundadora e líder de uma torcida organizada do Internacional.


De acordo com as investigações, coordenadas pelo delegado Rodrigo Zucco, a mulher abastecia torcedores e também usuários de classe alta. Após três meses de monitoramento, os policiais controlaram a venda de cocaína pela quadrilha e apreenderam, neste período, cerca de 3 kg da droga.


Com a mulher, foram encontradas buchas de cocaína que a polícia classificou como de excelente qualidade, chamada de escama de peixe, além de um veiculo 0 km. A polícia ainda investiga a participação de outros membros da torcida organizada. (site Terra).

Até quando os dirigentes vão continuar sustentando e dando força para isso. Lembrando que semana passadas jornais do sul haviam provado que os mesmos, que se julgam torcedores e que estão proibidos de entrar nos estádios continuavam a freqüentar estádios e suas torcidas organizadas.



Escrito por Cícero Ribas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário