27 de out de 2010

20 anos e finalmente sem Marketing só Musica!


Quarta feira 20/10/2010 eu tive o privilégio e o prazer de estar presente na festa dos 20 anos da MTV BRASIL, nunca fui ao VMB sempre acompanhei por televisão, mas tenho a certeza de que o evento que presencie foi algo infinitamente melhor, sem marketing foi simples, cultural, musical, harmonioso, enriquecedor e verdadeiro, certamente estará guardado na memória de todos que estiveram lá e os que acompanharam simultaneamente internet e televisão.  

Sem moda, me embalei ao som da guitarra elétrica de Jorge Bem cantados alegremente com sua parceria eternamente tropicalista Caetano Veloso Ive Brussel emocionante, espantado quando vi o líder da tropicalista cantando Garota de Ipanema em dueto fora do comum Mv Bill o soldado da liberdade que senti ao rever o rock dos anos 80 e 90 juntos novamente Dinho ouro preto, Paralamas do Sucesso, Lobão, Skank e queimando tudo Planet Hemp.
O calor estava rio 40° graus e para isso sem ela não seria Fernanda Abreu muito suwing, que me fez ser brindado pelo movimento mangue beat, Otto ex – mundo livre que quer dizer da violência com suas tranças voz atitude falcão do rapa para botar fogo na festança, e como bebi, la vive momento rilex  suavidade e malandragem Maria Gadu e o ex – titãs, mas rebelde Nano Reis, até a menininha do Camelo deu uma palinha to falando Mallu Magalhães sim escutei e cantei alto o Vencedor com Los Hermanos também.

Por fim não poderia enaltecer os meus representantes dos pampas uma nova cara da musica Fresno, cachorro grande, teve Pity ela é foda mesmo, Arnaldo Antunes tribalista, os planetas dos macacos saltastes Jota Quest, emosões e razões mbora não gostando muito, mas respeitando por que vendem Nx Zero, se alei de emoções não poderia deixá-los de fora por que assiste chitãozinho e xororó é evidencias antiga musica sucesso e foi evidente que todos queremos premiações e festivais deste porte modernidade sim, mas cultura é essencial. 

Escrito por Cícero Ribas     

19 de out de 2010

Devemos voltar a honrar nossa frase

Blog de blogdogil :BLOG DO GIL, ABERTO CONCURSO PÚBLICO PARA 28 MIL VAGAS EM TODO BRASIL

Senxta feira passada ao chegar da aula fiz um café e um sanduíche, pois não ia sair para festa então liguei a tv e assisti ao programa que há muito tempo não assistia globo repórter acredito ser o único programa bom na sexta – feira, o programa mostrou sobre a difícil vida para engessar no trabalho dos sonhos de muitos brasileiros ser um concursado da rede publica e também de algumas empresas privadas. 
Pude ver pela tv filas enormes de candidatos, quase a maioria reclamando das dificuldades para ganhar uma vaga.
No decorrer da reportagem o assunto foi se aprofundando entre tantas perguntas algo me causou no primeiro momento indignação por nos brasileiros, depois tristeza pelas respostas quase que iguais dos entrevistados acho um ou dois falaram algo diferente e sensato. POR QUE ESTÁ FAZEDO O CONCURSO? Para ter estabilidade e um bom salário. Estes dois ou um responderam que era um sonho e gostariam de seguir carreira crescer dentro da instituição.

Nada contra quem quer ganhar mais só que todos colocavam estabilidade em primeiro lugar e o bom salário esquecendo do essencial, quero estar lá, pois é meu sonho, me preparo desde o segundo ano, para seguir uma carreira adquirindo experiência para que possa entender o sistema. Isso sim deveriam ser suas respostas é claro que em tempos de crise é difícil pensar desta forma.
 A falta de oportunidades a má qualidade do ensino médio e apoio e etc, também cooperam para estes pensamentos. Mas não justificam a palavras preguiça, mesmice, acomodados, se transformam por não gostarem do que fazem, ai vemos a falta de vontade em resolver problemas, atender e diminuir filas o descaso com assuntos importantes. Geralmente os novos funcionários aderem ao movimento popular, que briga por direitos a GREVE, algo que ainda nem tem direito, mas por terem passado no concurso e terem estabilidade os outros que esperam primeiro nos. Não estou generalizando isso se diz a aqueles que agem desta maneira.

Digo a todos que temos que mudar estes pensamentos devemos buscar conhecimento, sair da zona de conforto, voltarmos a ser sonhadores, arriscarmos para fracassar e aprender com os erros que ocasionaram nossas derrotas devemos voltar a honrar a frase SOU BRASILEIRO E NÃO DESISTO NUNCA


Escrito por Cícero Ribas       

12 de out de 2010

Vergonha pode se tornar respeito, EDUCAÇÃO

Um problema sócio ambiental e cultural ultimamente é o que tenho visto nas ruas, principalmente nas metrópoles, parques, etc. Esses dias eu estava na parada esperando o ônibus para me deslocar ao trabalho fazendo um lanche rápido suco e pastelzinho algo comum entre nos brasileiros, ao terminar como não tinha lixo por perto e estava com medo de perder o ônibus e a famosa preguiça também, poderia ter executado um movimento uma opção muito comum entre muitos nos brasileiros jogá-lo no chão, como sempre ando com sacola plástica na mochila coloquei na sacola e depois na mochila nisso ao colocar um senhor idoso jogou um papel de bala no chão ao ver meu ato, ele dramaturgicamente se agacha como se tivesse caído de sua mão e o pega, continuei mexendo na mochila também exercendo meu papel de turista perdido, mas olhando com o canto dos olhos observo-o abrindo os braços encostando-se à marquise abrindo as mãos soltando o papel de bala ao vento calmamente sem nenhuma vergonha achando que estava me enganando ou se achando esperto.


A verdade é que todos os dias presenciamos e fazemos o ato de jogar papel, garrafas, latas, etc no chão achando que tem sempre alguém para limpar sem pensar nas conseqüências que o lixo pode nos causar. 

Heróis que não damos valor é assim que devíamos chamá-los, os corajosos lixeiros e os auxiliares de serviços gerais sempre os vemos, mas nunca prestamos atenção em sua utilidade o papel importante que exerce para sociedade, talvez se prestássemos poderíamos ser mais solidários, prestativos, educados para respeitá-los dar o verdadeiro valor aqueles que cuidam do mundo ganhando tão pouco.

Digo que a todos incluindo eu deveramos deixar a preguiça de lado e pensar como se fosse a nossa casa por que desta maneira podemos ajudar o mundo devolvendo um pouco do muito que tiramos dele a vida.


Escrito por Cícero Ribas

8 de out de 2010

Quem diria o funk está ensinando só pode ser Comédia!!




Este texto eu já havia aditado em outro blog, mas como o assunto é atual e diz respeito a Brasil, educação é meu dever colocá-lo.
Sucesso é o adjetivo perfeito para esta trupe da Comédia MTV em especial ao manda chuva MARCELO ADNET, em tempos de tanta apelação sexual para obter um sucesso rápido em diversos gêneros musicais, nossa musica vem tomando rumo bem diferente de outras épocas festivais, jovem guarda, tropicalismo e o rock nacional anos 80 a 90, eis a salvação e digo mais um puxão de orelha em dois sentidos, que envolvem segmentos e entretenimentos culturais de nosso PAIS. No humorismo servi perfeitamente o chapéu na multinacional, internacional e monopolizada que tem um horário na sábado e todos já conhecemos que começa com Z.

A musica (gravadores) cada vez procurando vender não se importando com a qualidade ou as letras, insistentes melas cuecas, melodias terminas em verbo os conhecidos da moçada funks dos proibidões, se importan em lançar roupas, gírias e coreografias já que letra ninguém repara.  
Nos cursinhos e faculdades professores mostram os vídeos dos clipes que citam pensadores, artistas, descobridores, professores os lideres da historia em suas áreas, contando e unindo ritmo com letras uma verdadeira aula de historia moderna e contemporânea a seus alunos, ensinado – os que ainda podem trabalhar com humor e musica com inteligência e cultura sem apelação.
Torço para que esses citados tentem fazer o mínimo o famoso nada se cria tudo se copia e possam voltar a alimentar nossas almas com vida.

veja os vídeos: 
Gaiola das cabeçudas - Comédia MTV
Aula nº 2 FUNQ.I. - Gaiola das Cabeçudas - Comédia MTV 

Escrito por Cícero Ribas.

4 de out de 2010

Deprimente ou um ato de liberdade de expressão.




Hoje pela manhã como de costume ao tomar café antes de trabalhar peguei o jornal para manter-me atualizado sobre acontecimentos de nossa nação, até por que ontem foi um dia importante para nosso pais dia de votar exercer o papel de cidadão, quando me deparo com uma notícia gritante e apavorante não acreditei quando li TIRIRICA O DEPUTADO FEDERAL ELEITO, não só isso entrou como o mais votado da historia com 1.353,820 de votos, fiquei apavorado, boquiaberto o que os brasileiros estão fazendo?
Hoje jornais, TV e na rua o assunto só era sobre sua esmagadora vitoria, ao ver e ouvir diversas opiniões, fui em busca de mais informações saber o porquê, deste fenômeno sobrenatural ter acontecido consegui captar isto muita alegria, transparência e seus bordões eram fantásticos, verdadeiros, tiririca pior que ta não fica ou você sabe o que faz um deputado? Eu também não, vote em min que eu te conto depois!   
Depois de analisar todo o contexto e o reboliço que causou em nossa democracia como os políticos gostam de declamar, devo falar chegou mesmo a hora da democracia, da cidadania a tão falada liberdade de expressão isso acredito que com tanta corrupção todos já estão cansados, desiludidos de serem palhaços então por que não eleger um palhaço colocá-lo neste circo do planalto central.
 Isso se chama pessoas se chama liberdade de escolher de chamar atenção de todos, na hora eu como muitos fiquei surpreso, assustado e irritado só que agora, mais tranqüilo consigo enxergar, isto se chama revolta, se chama protesto, isto se chama cidadania, para que os políticos comecem a fazer realmente juízo de seus salários parem de surripiar o dinheiro publico por que se continuarem assim não teremos mais políticos no Brasil e sim humoristas que já fazem muito nos trazendo alegria com suas piadas, será que terão também que desempenhar e exercer outro papel perante a sociedade para o qual nunca estudaram ou se prepararam para vocês políticos faço as palavras do Jornalista BORIS CASOY “ISTO É UMA VEGONHA”.