27 de set de 2010

Duelo de alto nível.

Ontem estava a acompanhar uma partida de futebol, algo normal para qualquer brasileiro nas tardes de domingo só que não era um jogo comum e sim Duelo de rivais devo me atrever a falar um dos maiores Clássicos empolgantes do futebol mundial, desde 2005 Internacional e Corinthians protagonizaram lances de pura técnica, conjunto, raça, amor e o principal futebol.
Eu um colorado doente estava certo de uma vitória até tranqüila, mas não fácil, a rivalidade já vêm desde o campeonato de 2005, em que o STJD estranhamente anula algumas partidas do brasileiro ao descobrir um esquema de jogos manipulados por um arbitro que não merece nem ser colocado neste texto fez que voltasse exatamente 11 jogos a maioria do Coringão, deixa esse papo para vamos ao jogo.
 Foi fantástico Tinga já havia recebido dois lançamentos e ambos estava impedido quando aos 29 min em uma tabela com o maestro D’alessandro recebe livre só tocando na saído de Julio cesar é gol Tinga o mesmo de 2005 o batalhador, correto e exemplo de pessoa e atleta marca para delírio do estádio beira rio, só que se lesiona e é substituído por Edu.
 O Timão não se abate apesar do Colorado estar melhor na partido numa falha de marcação Jorge Henrique o capetinha toca por cima de Rena e empata.
Segundo tempo a partido volta mais eletrizante ambas equipes atacando só que o gol não vinha Celso Rotch resolve alterar coloca o matador Alexssandro e Andrézinho o abençoado, que logo saberão o por que chamam assim. Contra-taque do Inter D’ale aplica seu drible ( La boba) como de costume na ponta direita perto da área e cruza de perna esquerda atravessa a área Corintiana e ele o MATADOR Alexssandro toca de cabeça, após comemoração o Coringão se lance inteiro de corpo e alma colocando uma na trava e obrigando em outra grande defesa de Renan só que no terceiro ataque eis que ninguém esperava novamente falha na defesa Renan se obriga a sair deixando o gol vazio só o elástico lateral Ney o protegendo era batata Paulo André cabeceia com endereço certo o ângulo só que Ney da um pulo e tira a bola com a mão tentando protagonizar um lance que deu certo na copa do mundo pelo uruguaio Soares, pênalti convertido por Bruno Cesar.

O melhor estava por vir, num lance o matador após chapelear dois defensores é parado por Paulo André a falta éna entrada da área, e na entrada da área todos sabem que para o ABENÇOADO é pênalti aos 47 min só nos acreditávamos, Ele coloca a bola para a cobrança olha em direção ao ângulo ira como sempre mínima distancia o arbitro apta ele corre em direção a bola balançando suas tranças, bate forte em curva a barreiro toca, mas não consegue desviar a trajetória que já sabíamos o ângulo golaço vitória do INTERNACINAL em uma tarde que mais uma vez Deus estava com a gente.

Escrito por Cícero Ribas

Um comentário:

  1. Cicerinhooo...vc pareceeeeeu rs !!

    Deixa eu te falar...eu acabei de deixar um comentario em um blog , e agora copiei pra colar aqui , pq casou xatamente com o seu lembrete aqui....então estou colando aqui rs :
    "O povo está muito desanimado mesmo, totalmente descrente e indo as urnas mais arrastados do que nunca!
    Mas o que mais me indigna é como o povo desistiu de lutar e abriram mão...deixaram tudo jogado a mais pura sorte ...ou não rs !
    Sempre que vou dar meu parecer em assuntos políticos, eu toco na tecla : não reclame agora se não cumpriu seus direitos e deveres antes! É a lei da compensação !

    O dever, eu não digo nem que o povo tenha que ser o máximo dos entendidos em política, mas que estejam no mínimo usando sua própria lógica e entendendo seu próprio voto !
    E o direito me refiro a usar o que ainda nos resta que é o direito de ir até um urna e "ainda" ter o poder de escolha .
    Se existe a opção de tecla, não sei o que estou fazendo aqui , essa ganharia !

    Beijos !

    ResponderExcluir